Buscar: Em:
Eric Granado vence 2ª etapa do SuperBike Brasil
 

  Eric Granado
superbike  
29/05/2017

O resultado é consequência do desempenho incrível que o piloto teve ao longo do fim de semana. No sábado, ele quebrou o recorde da pista (1min36s366)  e também garantiu a pole position.


“Ganhar a segunda prova consecutiva é muito gratificante. Fiz uma boa largada e fiquei atrás ali dos dois (Alex Barros e Diego Faustino) em um ritmo confortável. Estudei bastante a pilotagem deles para saber a hora de ultrapassar e quando consegui, dei o meu melhor e consegui fazer três voltas bem rápidas”, contou Granado.


O companheiro de equipe e atual campeão, Diego Faustino, #68, tentou alcançar, mas ficou com a segunda posição. O resultado, no entanto, surpreendeu o piloto. “Estou feliz porque o meu objetivo vem sendo cumprido. Estou evoluindo e ficando cada vez mais próximo de ganhar. Na sexta-feira, eu caí e prejudiquei a minha moto. A equipe fez um trabalho excepcional para corrida e isso tudo é melhor do que uma vitória.” Já o veterano Alex Barros, #4, da Alex Barros Racing, recebeu a bandeirada em terceiro.   


Emoção também não faltou na SuperBike Light/SuperStock/Evolution 1000cc. Por conta do clima instável, os pilotos tiveram que arriscar na escolha dos pneus. Victor Reis, #25, da Pitico Racing Team, adotou uma boa estratégia e saiu vitorioso. Na sequência, apareceram Rodrigo Dazzi, #146, da Castrol, seguido de Danilo Berto, #83, da Ducati Campinas. Os pilotos Rogerio Munuera, #88, Boi Motos e Cleberson Maicher “Alemão”, #17, da Black Day Racing, completaram o pódio.


Já na Copa Honda CBR 500R, o resultado foi decidido na reta final. Leonardo Tamburro, #53, da MotoSchool Racing Team e Arthur Costa, #99, brigaram o tempo todo, mas o atual campeão da categoria, Tamburro levou a melhor. O companheiro da Motoschool, Lucas Alvarenga #5, também acelerou bastante e foi o terceiro a receber a bandeirada. Rafael Paixão, #8, da Moretti Racing, foi o quarto a cruzar a linha de chegada à frente de Ademilson Peixer, #43.


O nível do campeonato está cada vez mais alto em todas as categorias. Na Yamaha R3 Cup, Eliton Kawakami, #27, da Yamaha Racing, disparou na frente e deixou os adversários para trás. A disputa foi acirrada pelas posições seguintes, que ficaram, respectivamente para Indiana Muñoz, #199, da Castrol Team e Fábio Jandaia, #10, da Paulinho SuperBikes. Os pilotos da Yamaha Racing Kaywan Freire, #36, e Guilherme Brito, #19 mostraram bom desempenho e ficaram entre os cinco primeiros. 


 


O grid da SuperBike/SuperSport Escola viu, mais uma vez, Leandro Amâncio ser o primeiro a cruzar a linha de chegada. O piloto #29 da ELB Escola de Pilotos não teve vida fácil, encarando grandes pegas com Rodrigo Tamani, #66, que terminou na segunda posição. Ramon Aranda Cogui, estreante #13, da Piui MotoSport, chegou a liderar, mas não conseguiu administrar a vantagem. No geral, Rodrigo Simon, #999, da Colorado Doctor Racing, e Agnaldo Schmitz, #123, também da ELB, completaram o pódio.


Bruno Ribeiro, #169, da Duda Racing acelerou bastante para garantir a vitória na Copa Kawasaki Ninja 300, em cima de Kioman Munoz, #199, da Motonil Usatec. A terceira posição ficou com Fernando Santos, #234, da Tecfil Racing, seguido de Matheus Barbosa, #260. Gilmar Barbosa, #450, da Paulinho SuperBikes, foi o quinto colocado.


Na SuperSport/Stock 600cc, o uruguaio Maximiliano Gerardo, #41, da Ducati Mooca Motul, foi o primeiro a cruzar a linha de chegada. Pedro Sampaio, #28, da TecFil Havoline Racing Team, também teve um bom desempenho e garantiu a segunda posição. Na sequência, ficaram Alex Schultz, #22, da Pitico Race Team, seguido de Lucas Torres, da PKM Racing. José Duarte, #97, da Honda Alex Barros Racing teve que superar a dor causada por uma lesão na costela para garantir o pódio.


O piloto #93, Leopoldo Manella, liderou de ponta a ponta a prova da Honda Junior Cup e, com grande desempenho, garantiu sua primeira vitória nesta temporada. Léo imprimiu um ritmo forte e deixou para trás Mario Salles, #42, segundo colocado. O terceiro a cruzar a linha de chegada foi Rubens Mesquita Barros, #11. Os pilotos Luiz Felipe Oliveira, #444, e João Vitor Carneiro, #13 completaram os cinco primeiros.


 


O tempo ruim não desanimou o público que compareceu ao autódromo para prestigiar os competidores. Durante todo o dia, atrações como Show de Manobras, desfile de Grid Girls, sessão de autógrafos e volta na pista agitaram o dia. A 3ª etapa do SuperBike Brasil está marcada para 25 de junho, também em Interlagos.


Deixe seu comentário sobre a notícia

Seu nome/apelido:
Seu comentário:
Digite o que você vê na imagem abaixo: *
   

 
Revista Dirt Action
Revista Bike Action